17 de Junho, 2024

AGENDA – Antestreia do filme documental Exílios no Feminino na Associação 25 de Abril

RTP2 vai emitir “Exílios no Feminino” em 2023

O filme documental desenvolvido por Edgar Feldman, Paulo Guerra e Eduarda Manso está organizado em dois episódios, cada um com cerca de 50 minutos e reproduz as entrevistas realizadas a Amélia Resende, Beatriz Abrantes, Fernanda Marques, Helena Cabeçadas, Helena Rato, Irene Pimentel e Maria Emília Brederode dos Santos.

A antestreia será levada a efeito na Associação 25 de Abril no próximo dia 29 de abril, com início ás 16h00, e no termo das apresentações do filme será realizado um debate com a participação das protagonistas do livro Exílios no Feminino.

Fazem parte da equipa Edgar Feldman e Paulo Guerra na realização, Eduarda Salaviza Manso nas entrevistas, Jorge Galvão nos grafismos e Luís Cilia na música original.

Nápoles produções

Transcrição da apresentação do filme documental e da Nápoles Produções que consta do livro Exílios no Feminino.

“Em 2013, durante a “troika”, Edgar Feldman e Paulo Guerra, amigos de longa data, iniciam a produção de uma série documental denominada “Estórias do tempo da outra senhora” que se baseia na recolha de relatos na primeira pessoa de episódios vividos por resistentes antifascistas, durante a longa noite salazarista. Para esta série são convidados vários músicos e artistas plásticos que, em cada episódio, complementam e ilustram as estórias recolhidas, valorizando assim, definitivamente, as obras produzidas. Sentíamos todos – naquele momento específico da nossa história coletiva – que era necessário dar voz aqueles que resistiram ao fascismo para servir de exemplo para as novas gerações.  No decurso desta iniciativa houve a necessidade de criar uma produtora de audiovisual independente que desse sequência ao trabalho iniciado e assim nasceu a Nápoles Produções. Em 2015 conseguimos vender a série à RTP2.  É importante para nós ressaltar este início da produtora, pois fazer aqueles filmes foi também um gesto de resistência. 

A partir dessa altura produzimos com regularidade anual diversos documentários sempre dentro desta temática: a produção de filmes documentais que promovessem o urgente registo daqueles que protagonizaram a nossa história de resistência desde princípio/meados ao final do século passado.  

Já produzimos 23 filmes de cerca de 50 min., mantendo sempre o espírito inicial de recolha e divulgação de numerosos testemunhos da nossa história contemporânea, conjugados com a intervenção original de compositores, músicos e artistas plásticos convidados para o efeito. 

Foi nesta perspetiva que se enquadrou a realização e produção de dois episódios de “Exílios no Feminino” em estreita colaboração com AEP61/74 – Associação de Exilados Políticos Portugueses.  

Fazem parte desta equipa Edgar Feldman e Paulo Guerra na realização, Eduarda Salaviza Manso nas entrevistas, Jorge Galvão nos grafismos e Luís Cilia na música original. Em 2023 a RTP2 irá emitir esse filme”. 

Edgar Feldman na sessão de apresentação do livro Exílios no Feminino em Alcântara

Please follow and like us:
Pin Share

Editor

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Follow by Email