22 de Junho, 2024

Visitantes reencontraram documentos e situações por eles vividas

Os documentos que ilustram as diversas áreas temáticas da exposição suscitam, para além de uma grande curiosidade, um sentido de justiça que o 25 de Abril proporcionou. Ali encontram-se os mais descarados atos pidescos até à repressão feroz e sem medida.

Como adiantou Rui Gomes na apresentação da exposição o MAEESL tinha um processo autónomo, organizado pela PIDE, podendo depreender-se que o movimento era mesmo considerado como particularmente perigoso já que os movimentos dos estudantes universitários eram apenas refletidos nos processos individuais dos estudantes perseguidos ou aprisionados.

Fotos© CVR/NSF

Editor

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.