22 de Junho, 2024

DOCUMENTÁRIO – Música que começou a revolução

Um documentário que nos remete para Abril.

Produção: Coimbra Coolectiva, Abril 2024 Realização: Filipa Queiroz, Tiago Cerveira

Há 50 anos, foi música que começou a revolução. Durante 40 em ditadura, foi música que nutriu corações de esperança e alento, despertou consciências. Em Coimbra, construíram-se canções como guitarras que foram armas contra a opressão, contra a violência, pela liberdade. Revisitamos parte dessa história e revelamos quem compõe, escreve, toca e canta a denúncia hoje, através dos pontos de vista de cinco músicos de quatro gerações. Em 25 minutos e 25 segundos a palavra é de quem acredita em sacudir para mudar.

Rui Pato no documentário “Coimbra é Intervenção”

É de Rui Pato, o guitarrista que acompanhou nomes como Zeca Afonso e Adriano Correia de Oliveira, Vânia Couto, cantautora e fundadora do Coro das Mulheres da Fábrica, Victor Torpedo, punk-rocker, e os rappers Rute Silva e Gonçalo O Guiné, também beatmaker, produtor e dinamizador da RodaoCentro. Coimbra é fado, trovas, punk, rock, tradicional e rap. Coimbra é intervenção.

in Youtube sobre o documentário

Editor

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.